terça-feira, 22 de Fevereiro de 2011

Uma Mesa Composta

No sábado passado combinamos um almoço em cima da hora com o Tio L. e a Tia M. Não houve tempo para grandes preparações, mas mesmo assim tudo ficou bonito e composto.
Enquanto preparava o almoço e um bolo de chocolate para sobremesa, o M. ficou, como habitualmente encarregue de pôr a mesa. Usou uma toalha preta da Zara Home, de que gosto bastante e já tenho há algum tempo, e foi altura de estrear os novos marcadores adquiridos nos saldos (1,95€/cada), na loja O Gato Preto. A época dos saldos, como já referi várias vezes, é ideal para comprarmos alguns mimos também para a casa, como pratos e copos, acessórios de mesa e de decoração, toalhas, individuais, marcadores... Na mesa estão também uns copos de vinho de pé, que o M. adora, e que custaram 1€ cada no IKEA.
E como não houve tempo para preparar nenhuma outra entrada, houve queijo curado de ovelha, paio de porco preto,  requeijão de seia caseiro da prima I. com doce de abóbora e nozes, requeijão e pão alentejanos e ainda umas azeitonas temperadas.
Umas entradinhas saborosas e rápidas e uma mesa bonita são duas excelentes razões para que os convidados se sintam bem recebidos e que o almoço corra bem!

quinta-feira, 17 de Fevereiro de 2011

Um limoeiro na varanda

Se há coisa para a qual não tenho o mínimo jeito é para jardinagem e plantas. É verdade! O M. até diz que eu sou uma "mata-plantas", e realmente poucas são as que sobrevivem mais do que algumas semanas ou meses. Então se forem de interior, têm os dias contados assim que passam a porta de entrada. Umas morrem porque as rego demais, outras por falta de água. Há aquelas que murcham porque têm luz a menos e as que queimam por excesso de sol. Já perdi a conta às inúmeras orquídeas de interior que tive - que a única vantagem foi de decorarem a casa 2 ou 3 meses até definharem e assim evitarem a compra de flores frescas de que eu tanto gosto!
E se formos a falar das plantas verdes, daquelas que todos dizem que não dão trabalho nenhum e que duram anos... até essas, coitadas, morrem num abrir e fechar de olhos!
É portanto de surpreender o meu limoeiro da varanda. Porque continua lindo e vivo e já cá mora quase há 5 anos. Mais surpreendente de tudo é o facto de o pequeno, apesar de me ter a mim como prestadora de cuidados e de ainda por cima estar limitado a um vaso, ainda assim, dar belos e sumarentos limões.
Para além do limoeiro, só mesmo a hortelã e mais outros 2 vasos com umas plantas das quais nem o nome sei conseguem sobreviver. Mas isto porque vivem na varanda, e é mais fácil sobreviver aos caprichos do tempo do que à minha falta de habilidade para tratar de plantas!
Agora deixa de haver desculpas para não terem um limoeiro: basta um vaso e, mesmo com nenhum jeito para tratar dele, podem criar e colher os vossos próprios limões!
Este ano a colheita cá de casa deu 10 limões que transformei num delicioso curd de limão e gengibre.

terça-feira, 15 de Fevereiro de 2011

Novidades

Em Janeiro do ano passado a editora "A Esfera dos Livros" fez-me um convite muito especial: editar um livro. Parecia irreal, mas era verdade! Durante o ano que passou trabalhei com pessoas fantásticas para fazermos um livro especial. E eu acho que conseguimos, pois este não é apenas um livro de receitas.
E tenho muito que agradecer a todos os leitores não só do blogue As Minhas Receitas, mas também de A Economia Cá de Casa, que me fazem cuidar destes blogues, e agora colher deles este fruto! Muito obrigada a todos!
Já agora, o livro chama-se "Feito em Casa" e estará à venda a partir de dia 21 de Fevereiro.

quinta-feira, 10 de Fevereiro de 2011

Sugestões para um Jantar Romântico....

Quem me conhece sabe que eu não ligo muito (isto para não dizer nada!) ao dia dos namorados. Passam-me ao lado as flores, os peluches, os bombons, os corações vermelhos...
Mas é um dia com uma excelente desculpa para cozinhar um jantar mais cuidado e saborear uma deliciosa refeição. E isso é algo que eu adoro!
Para quem prefere uma alternativa mais caseira, e provavelmente mais económica, em vez de um restaurante cheio de casais enamorados deixo-vos a sugestão de uma ementa para o dia dos namorados.
O resto é fácil: basta colocarem uma mesa bonita e cuidada, com umas flores frescas e umas velinhas. Durante o jantar desliguem a televisão, coloquem uma música ambiente e desfrutem da companhia um do outro. Se não têm com quem deixar os filhos, partilhe também com eles o jantar romântico!

Entrada:
Camembert em Massa Folhada
Prato Principal:
Peito de Peru Recheado
Sobremesa:
Suspiros com Natas e Canela

quinta-feira, 3 de Fevereiro de 2011

Organizar a Despensa

Sei que nem todos as pessoas têm uma despensa. Mas quem diz despensa diz arrumos, sotão, garagem, ou qualquer outro sítio onde acumulam tralhas.
O mal destas divisões é que facilmente se enchem e rapidamente ficam cheios de coisas, muitas deles sem grande utilidade e outras que não conseguimos encontrar quando  necessário.
A solução é simples: organização, arrumação e algumas horas disponíveis.
Deixo aqui alguns passos que podem servir para vos guiar nesta tarefa!

1 - Passar revista a tudo o que está na divisão - caixas. caixotes e sacos incluídos e separar:  o que é lixo, o que é para guardar e o que só está a ocupar espaço.
2 - Colocar os itens que são para guardar dentro de caixas plásticas com tampas, ou em alternativa caixas de cartão. Facilmente encontra caixas de plástico s preços acessíveis em lojas de artigos para a casa. E identificar o que está dentro das caixas com etiquetas para quando necessitar de alguma coisa a encontrar facilmente.
3 -Depois de desocupadas as prateleiras e/ou armários, limpar todo o espaço.
4 - Organizar devidamente os diferentes itens: as coisa que poderá necessitar mais frequentemente em locais de fácil e simples acesso, e os artigos que só usa uma vez por ano, como por exemplo os enfeites de natal, em sítios mais altos.
5 - Se não tem prateleiras, é uma vantagem usar as caixas plásticas uma vez que são facilmente empilháveis deixando o espaço mais livre. Não coloque caixas atrás de caixas. Deve conseguir ver todas as caixas e as respectivas etiquetas para facilmente encontrar os artigos que precisa sem andar a mover caixas e caixotes.
6- Depois da arrumação, passe a ser mais metódico e arrume sempre as coisas no sítio certo em vez de as deixar a monte para arrumar mais tarde. Se tirou do sítio, volte a arrumar no sítio assim que deixar de usar.

terça-feira, 1 de Fevereiro de 2011

10 Sugestões para Almoços no Escritório

Há uns tempos recebi um mail em que me pediam que fizesse um post com ideias de refeições para levar para o trabalho, com a particularidade de poderem ser comidas frias (e mesmo assim serem saborosas!) O desafio foi aceite e aqui ficam dez sugestões que espero que vos inspirem!

10 Almoços para o Escritório:

1 - Salada de Arroz com Frango e Legumes
2 - Tortilha de Cougette e Cenoura com Salsichas
3 - Esparguete com Camarão
4 - Tarte de Espinafres e Requeijão com Bacon
5 - Sandes de Quejo de Cabra com Rucula e Tomate
6 - Salada de Espinafres Vermelhos, Salmão e Feijão Branco
7 - Empadas de Pato
8 - Lascas de Bacalhau com Crocante de Broa
9 - Empadão Folhado com Ervilhas e Cenouras
10 - Chow Mein Rápido de Frango