quinta-feira, 24 de Março de 2011

A organização da Festa

Como já vos disse, a festa do M, foi um pouco mais simples este ano, mas não foi por isso que deixámos de ter casa cheia, e que mais uma vez tudo teve de ser planeado e organizado para evitar confusões e stress de ultima hora.
Para o almoço, e não estava ninguém especial, apenas, pais, irmãos e avós, a mesa estava posta para 15 pessoas. Depois do almoço convidamos os amigos e alguns tios e primos do M, (eu já disse que ele adora a casa ceia, não já?!) para as sobremesas e para cantar os parabéns, e facilmente chegamos perto das 40 pessoas.
Com tempo defini a ementa, a lista de compras e lá fui às compras para que nada me faltasse. Planeiei o que fazer na sexta e no sabado à noite. Foi também no sábado à noite que colocámos a mesa, a coffee station e preparamos as "mesas" de apoio para as sobremesas, copos, e o carrinho de chá com talheres, guardanapos e pratos, para que facilmente todos tivessem o que precisavam à mão.
No domingo de manhã foi altura dos ultimos preparativos: ter atenção que as bebidas estão frescas, fazer o almoço, a salada e preparar as entradas. E depois desfrutar da festa e dos convidados que é sempre muito importante para que tudo corra bem.
No fim da festa, não me fui deitar sem a sala e a cozinha arrumadas e com tudo no sítio, a louça lavada ou na máquina a lavar. Para mim também essencial é ir-me deitar com tudo arrumado. Já viram o que é acordar no dia a seguir com a casa num caos?!

terça-feira, 22 de Março de 2011

A Mesa da Festa

Este ano a mesa vestiu-se de branco e amarelo para o aniversário do M., e o sol entrava pela janela para nos avisar que a primavera tinha chegado.
Tudo bastante simples, que este ano o tempo foi mais curto (com um batpizado no sábado durante quase todo o dia!), mas nem por isso tudo deixou de estar como nós gostamos que esteja.
Havia tulipas amarelas na mesa, em garrafas de vidro antigas que vieram de casa dos avós do M. Os guardanapos amarelos e uns copinhos da mesma cor, deram a coloração final que se pretendia. E depois, louça e toalha branca fazem o resto.
Estava preparada a habitual coffee station, e o carrinho de chá a servir de apoio para pratos, copos e talheres para os restantes convidados que não vieram almoçar, mas que estariam para as sobremesas e o bolo.
Deixo-vos algumas fotos. Espero que vos inspirem.

quarta-feira, 16 de Março de 2011

Coffee Station

O aniversário do M. está mesmo a chegar. Depois do planeamento, das listas de convidados, comidas e de compras, depois da ida ao supermercado comprar tudo o que necessito, é tempo de começar com as organizações mais caseiras. Já decidi a decoração da mesa - que este ano será amarela e branca - onde vou servir cada prato que vou fazer, e já fiz uma pequena lista com a ordem de trabalhos. Este ano a festa será mais pequena, mas são as contingências de fazer anos a um domingo, principalmente depois de um sábado em que temos um baptizado.
Mas a ideia de hoje, vem do último aniversário do M., e sei que também vai dar muito jeito à M e ao ZN no baptizado de sábado. Quando fazemos uma festa, em que somos nós que fazemos praticamente tudo, é super prático fazermos uma "Coffee Station". Principalmente agora com as máquinas de café que utilizam capsulas.
Para esta ideia basta reservarem uma mesa, ou até um pequeno aparador. Coloquem a máquina de café e respectivas capsulas, bem como as chávenas de café, colheres, açúcar e adoçante. Assim, em vez de terem alguém a tirar cafés de empreitada, basta que cada convidado, quando bem lhe apetecer, ir tirar o seu próprio café! Uma ideia que resulta muito bem.
Cá em casa já foi usada vezes sem conta e inspirou vários amigos a fazerem o mesmo.

quinta-feira, 10 de Março de 2011

Onde arrumar livros de culinária?

Esta era a pergunta que me atormentava nos últimos tempos. As três pequenas prateleiras da cozinha já não eram suficientes para os meus livros. E os livros já dominavam a casa.
Eram livros na mesa da sala, na garrafeira da cozinha, no quarto, nas cadeiras da cozinha... Para se fazer qualquer tarefa era sempre preciso mudar de lugar livros e revistas que pareciam nascer em todos os cantos.
A solução encontrada foi muito simples: uma estante do IKEA, com bastante arrumação para os meus livros e revistas, e ainda para mais um sem número de coisas que não tinham lugar definido. O sítio da estante? Na cozinha. Onde mais é que poderia fazer sentido arrumar livros de culinária do que na cozinha?!
E assim ficou a nova decoração com uma solução bonita e prática.

terça-feira, 1 de Março de 2011

Simples Decorações

Tenho finalmente uma nova estante na cozinha para conseguir arrumar os meus livros e revistas de culinária, que andavam já espalhados pelos quatro cantos da casa. Durante o fim de semana foi tempo de organizar a cozinha, os livros e de preparar pequenos apontamentos decorativos.
Um dos meus favoritos foi a utilização destas garrafas que foram trazidas de casa da avó do M. e que já andavam há algum tempo pela garagem à espera de um fim adequado.
Depois de bem lavadas e secas, decidi enchê-las com as rolhas de cortiça, que normalmente guardamos para reciclar, mas que dentro das garrafas transparentes fazem um efeito decorativo bonito. Um apontamente simpático, simples, económico e ao alcance de todos!